segunda-feira, 25 de agosto de 2014

DVD sobre a trajetória de Glênio Sá

Com o objetivo de revelar as graves violações de direitos humanos cometidas na repressão do regime militar no Brasil e despertar a necessidade da reconstrução da memória histórica, o Comitê Estadual pela Verdade, Memória e Justiça do Rio Grande do Norte, em parceria com o Centro de Direitos Humanos e Memória Popular (CDHMP) e o comitê estadual do Partido Comunista do Brasil (PCdoB/RN), realizam o lançamento de um DVD multimídia com a trajetória de vida e de luta do militante político Glênio Sá.
O ato acontece na próxima sexta-feira, 29 de agosto, às 18h, no IFRN de Cidade Alta, e faz parte do esforço em contribuir para a compreensão do passado e das lutas e sonhos de toda uma geração que teve o seu projeto de vida interrompido pelo autoritarismo, a fim de efetivar o direito à memória e à verdade histórica.
A obra compõe a Coleção Memória das Lutas Populares no RN, idealizada pelo Comitê Estadual pela Verdade e o CDHMP “nos seus objetivos de produzir e divulgar relevantes documentos históricos que revelam a memória e o tempo de duros períodos de repressão e tortura durante a ditadura militar”, esclarece o secretário do Comitê Estadual da Verdade, Roberto Monte.
A viúva de Glênio, Fátima Sá, destaca a importância de se ter uma atividade permanente de resgate da memória e da verdade. “O lançamento deste importante instrumento de revelação histórica se insere no esforço em reescrever a história do nosso país em sua plenitude, sem ocultações, vetos e proibições, através da inserção de dignas trajetórias como a de Glênio, iniciada nas lutas do povo brasileiro, pelas liberdades democráticas, pela anistia, pelas eleições diretas e pela Constituinte. Um momento que se faz possível como um privilégio propiciado pela democracia”, ressalta.
Para Fátima, há ainda um caminho muito extenso para se percorrer na tentativa de que a verdade, a memória e a história se tornem conhecidas, sobretudo, para as novas e as futuras gerações. “Este DVD é um convite a celebrar e, sobretudo, refletir sobre o modo como indivíduos, Estado e sociedade podem contribuir para a realização de um roteiro para paz na humanidade, com a construção de um mundo mais justo, mais igual, mais solidário”.
Em seu formato multimídia, o DVD traz, em textos, fotos, vídeos e depoimentos, informações sobre a trajetória do militante político norte-rio-grandense Glênio Sá, que começou a ser desenhada nos movimentos estudantis de 1966, ganhou forma com a Guerrilha do Araguaia (um dos episódios mais violentos da ditadura militar, que resultou em prisões ilegais, torturas e dezenas de mortos e desaparecidos políticos na primeira metade dos anos 70), e foi concretizada na luta pela reestruturação e legalização do PCdoB no seu Estado, o Rio Grande do Norte.
Glênio foi o principal dirigente estadual do PCdoB até o ano de sua morte, em 1990, vítima de um mal explicado acidente automobilístico, quando era candidato ao Senado.
Relato de um Guerrilheiro
No ato de lançamento do DVD, serão disponibilizados também exemplares do relato que Glênio escreveu em vida, onde conta sua experiência na Guerrilha do Araguaia. O livro foi publicado no mesmo ano de sua morte, em 1990, pela Editora Anita Garibaldi. A obra, mais do que uma homenagem póstuma à Glênio, é uma contribuição ao resgate deste acontecimento na luta do povo brasileiro pela liberdade. 
Jana Sá e Gilson Sá
Jornalistas e filhos de Glênio Sá

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observatório da Violência do RN lança Mapa da Violência 2017

O OBVIO - Observatório da Violência, em parceria com a Comissão de Segurança Pública da OAB, convida estudiosos e autoridades da área de...