Sobre o autor


Thadeu de Sousa Brandão

Sociólogo, Mestre e Doutor em Ciências Sociais pela UFRN. Professor Adjunto de Sociologia da UFERSA e do Mestrado Acadêmico Interdisciplinar em "Cognição, Tecnologias e Instituições" (CCSAH/UFERSA) - (Nota 4 CAPES). Líder do grupo de Pesquisa "Observatório da Violência do RN". Autor de "Atrás das Grades: habitus e interação social no sistema prisional", "A Senhora do Sertão: a Festa de Sant'Ana de Caicó" e co-autor de "Rastros de Pólvora: Metadados 2015" e de "Observatório Potiguar 2016: Mapa da Violência do RN". Apresentador do Programa Observador Político da TV Mossoró e 93FM. Colunista do Jornal O Mossoroense.

Política, Sociologia, Ciência, Cultura e Filosofia. Blog criado em 22 de Outubro de 2012 e organizado por Thadeu de Sousa Brandão.

Siga nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profthadeubrandao/

Contato, críticas, sugestões e artigos: thadeubrandao@bol.com.br

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

OBVIO aponta 1305 homicídios, 22% a mais até Agosto no RN

Por Thadeu Brandão e Ivenio Hermes.


O OBVIO - Observatório da Violência Letal Intencional do RN, apresenta uma nova atualização das mortes violentas ocorridas no RN, atingindo o período compreendido entre 1 de janeiro a 31 de agosto de 2016 comparado ao mesmo período dos anos de 2014 e 2015.

Até o início desta manhã (29/08/2016) foram 1305 CVLIS no RN. Os dados apontam para um aumento de 22,19% em relação à 2015 (que havia tido queda significativa até então). Em termos brutos, foram 237 mortes violentas a mais que no ano passado no mesmo período. Em 2014, até o mesmo período, foram 1213 CVLIS, contra 1068 em 2015. 2016, em termos de taxa, apresenta até agora a maior, com 37,91 homicídios por 100 mil habitantes, contra 31,03 em 2015 e 35,59 em 2014. Como pode ser observado ao longo dos dados divulgados por este Observatório, a taxa de 2016 ultrapassa em definitivo da taxa de 2014, a mais alta até então.


A coleta e a consolidação é feita por meio da Metodologia Metadados, que interpola e concatena referências e dados de forma dinâmica e integrada para a devida credibilidade e celeridade dos resultados, destarte usada para construir um banco de dados independente, interligado com diversas fontes (Plataforma Multifonte) disponíveis aos pesquisadores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário