Sobre o autor


Thadeu de Sousa Brandão

Sociólogo, Mestre e Doutor em Ciências Sociais pela UFRN. Professor Adjunto de Sociologia da UFERSA e do Mestrado Acadêmico Interdisciplinar em "Cognição, Tecnologias e Instituições" (CCSAH/UFERSA) - (Nota 4 CAPES). Líder do grupo de Pesquisa "Observatório da Violência do RN". Autor de "Atrás das Grades: habitus e interação social no sistema prisional", "A Senhora do Sertão: a Festa de Sant'Ana de Caicó" e co-autor de "Rastros de Pólvora: Metadados 2015" e de "Observatório Potiguar 2016: Mapa da Violência do RN". Apresentador do Programa Observador Político da TV Mossoró e 93FM. Colunista do Jornal O Mossoroense.

Política, Sociologia, Ciência, Cultura e Filosofia. Blog criado em 22 de Outubro de 2012 e organizado por Thadeu de Sousa Brandão.

Siga nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/profthadeubrandao/

Contato, críticas, sugestões e artigos: thadeubrandao@bol.com.br

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Alto do Louvor" em Mossoró. Para uma historiografia da Zona Mossoroense.

Por Thadeu Brandão.







"Alguns historiadores até atribuem ao fim dos antigos cabarés e casas de espetáculos da Cidade, que estavam concentrados no Alto do Louvor, uma relação direta com a mecanização das salinas. O Alto do Louvor iniciava-se na rua Nilo Peçanha e estendia-se até a Av. Alberto Maranhão. (...) as casas noturnas mais frequentadas eram: Copacabana, Coimbra, Brasília, Pernambucana, Casablanca, Ideal, Las Vegas, Brahma, Arpege e Diacuí - todos nomes que fazem referência a lugares, filmes, bebidas - sinônimos, na época, de atualidade e sofisticação. Quanto à origem do nome 'Alto do Louvor', em 04/11/1928, é inaugurada, pelo Sr. Eduardo Santos, uma casa de lanches com o nome de 'Art Nouveau'. (...) Aos poucos o Art Nouveau foi recebendo vizinhos: uma casa era construída aqui, outra ali, e as mulheres começaram a chegar e a tomar conta da região. Posteriormente, foi inaugurado o bar 'Alto do Louvor', um nome, que trazia alguma relação fonética com a casa de lanches de inspiração francesa Art Nouveau".

(ROCHA, Aristotelina. P. B. Expansão urbana de Mossoró (1980 a 2004): geografia dinâmica e expansão do território. Natal: EDUFRN, 2005, p. 73).

Nenhum comentário:

Postar um comentário